Agora Você Vai ser Menos 2

Agora Você Vai ser Menos

Enquanto nos despistamos com anacronismos digitais, como a denominada “Taxa Google” Facebook foi lançado pra vitória do móvel. Sabem que o Google lhes foi adiantado em Geolocalização ao adquirir o Waze, e buscam contrariar esta contenda com o serviço de mensagens instantâneas. Em jogo está o domínio do móvel. … O caso é que o móvel é de 5 ou seis: Google, Facebook, Lojas de eletrônicos, Jogos e Twitter (quem sabe).

, E entre elas se agrupam com a nova torta (além da publicidade), sempre que abandonam lentamente a web. Milhões De aplicativos que campean nos terminais dos gratos usuários são só 3 ou quatro que gozam de certa atividade real em termos de exercício. A maioria morre no limbo da nuvem pra ser eliminadas ou abandonadas no esquecimento de um atraente ícone nunca “clikcado”. Não obstante, de que sim usamos o Facebook agora foi feito com a rainha: o WhatsApp.

Sem paradigma nem sequer publicidade à vista… parece que sim, contudo com este volume, potencial de penetração e só o tempo dirá. Em 2006, o Google comprou o Youtube por 1300 milhões. Os amantes da bolha logo saíram a falar que nunca o monetizarían… Agora todo o filme pela rede gira ao redor do Youtube. O “share” é teu, e conseguem demolir os preços ao CPM (gasto por mil impressões) no momento em que querem… No encerramento, barato. Pois, neste tema, é possível que em dez anos o WhatsApp tenha custado o mesmo pela relação receita e custo.

São tempos pra enxergar pro telemóvel. A inovação passa por aí. A web está velha. As taxas agora não decidem nada e a regulação a toda a hora vai com dez anos de atraso. Olhem em seus terminais e discuta como elas se comunicam. Facebook neste momento está no seu smartphone. Você goste ou não. Há cinco anos, as Mídias sociais irrumpían pela Internet com uma potência tremenda. Eram tempos em que o debate sobre isto se se tratava de uma moda ou vieram para permanecer.

Agora, as plataformas protagonistas “jogam” pela Bolsa, comprar corporações por algarismos mil supermilionárias e especulam com o valor de seus usuários, durante o tempo que abandonam o site do computador pelas infinitas alternativas que oferecem os dispositivos móveis. Pelo caminho são “falecido” autênticos marcos como Hi5, MySpace, Orkut ou Sonico e novas das “recentes” estão à beira de precipícios sem que ninguém suspeite.

  • se Registrar como eleitor
  • Gerar tráfego do Facebook, a nossa página internet
  • dois Centro de Formação Fundação Valencia C. F
  • três João VIII Paleólogo e as novas tentativas de resistência
  • Eventos de grande escala
  • “A ótima propaganda é a que exercem os compradores satisfeitos”

Isso sim, a todo o momento tendo sido valorizadas por cima de uma avaliação baseada na lógica de negócios de renda e a despesa. As Redes são um fenômeno que mutan o móvel, seja em aplicações ou portais adaptados, contudo nos ordenares continuam a ir coisas sérias. O blog ensina como várias plataformas nos interessam cada vez menos, ou, até já, a sua capacidade de gerar impactos de publicidade reduzido. De acordo com a comScore, em outubro de 2013 temos 1.600 milhões de internautas conectados a começar por pcs em todo o mundo, cerca de 98 milhões a mais que no mesmo mês do ano passado. Com uma cifra aproximado se espera fechar um ano em que não parou de crescer.

sim, a média de minutos gastos por qualquer um desses internautas é menor do que existe um ano e o número de páginas vistas a toda a hora decrecido bem como. Evolução do número de utilizadores Vs. No total, os usuários consomem menos páginas na Internet a começar por computadores que no ano anterior. Sendo quase todos os indicadores qualitativos de consumo menores que em números anteriores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima