Community Shield 2019: Chelsea Vs Manchester City, Em Directo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Final. Bem é isso, amigos. Chega o instante de despedir-se com a crónica de d. Álvaro de Grau: ‘O City de Guardiola começa a temporada como acababou: arrasou o Chelsea pela Community Shield’. Fim. Recordamos que a Premier arranca neste instante. Quinta-feira fecha o mercado de transferências nas Ilhas, o United abre o Campeonato pela sexta-feira, o Chelsea visitará no sábado o Huddersfield Town e City viajará no domingo pra Londres, pra verificar o Arsenal de Emery. Fim. Merecidísimo campeão, o Manchester City de Pep Guardiola, muito superior por todo o jogo para o Chelsea. Sarri tem muito trabalho na frente.

Cavaleiro, verdadeiramente, impediu que recebesse uma goleada escandalosa. Fim. Acabou-Se o que se dava em Wembley. Ganhou o City 0-2 ao Chelsea, graças ao gol de Agüero. Cinco Community Shield neste instante somam os ‘citizens’. Guardiola conquista o campeonato vinte e quatro de tua carreira. Sarri vai ter que seguir esperando para estrear tua carreira como treinador. Min. 95. Retira-Se Stones pra deixar seu recinto pro jovem Cláudio Gomes, que bem como será campeão da Supercopa. Min. 93. Cavaleiro está evitando que o Chelsea de Sarri sair goleado.

Grande intervenção do argentino pra salvar uma mão em mão com Brahim Díaz, um minuto depois, volta a ter usado a fundo, todavia é Rüdiger que acaba tirando o tiro de Gabriel Jesus perante varas. Min. 92. O jogo não acababou, contudo neste instante temos o ‘MVP’ oficial. O acabam de divulgar por assistentes: Sergio Agüero.

O Kun, autor de 2 gols, imediatamente soma duzentos e 201 gols com o City. Min. 89 Teve o 1-dois com o Chelsea. Otamendi-lhe ‘rouba a carteira’ Moses no momento em que se preparava pra marcar a lazer. Min. 87. Nova mudança em City: a marcha Laporte e entra Otamendi. Min. 86. Os torcedores do Chelsea já não acreditam pela recuperação e começam a sair Wembley.

  • Como ontem
  • César Arias (um ch.) – Geppeto
  • 3 Colonização belga de 1844
  • CAI DIANTE DA LAZIO Tropeço do Inter
  • Registado: 02 mar 2010

Minuto 84. O jogo foi aberto com o Chelsea pesquisando desesperado e Cavaleiro se tira de cima de um tiro em frente de Gabriel Jesus. Min. 83. De novo a Brahim! Saiu com vontade o português. Tiro do lado esquerdo da área, pra baixo, onde dói, que pra um Cavaleiro.

Minuto 82. Ouvem-Se os primeiros e tímidos ‘metros’, em Wembley. A torcida do City desfrute. Min. 79. Aproveitam para mover o técnico Guardiola e Sarri. Kompany por Agüero no City e Moses entra no local de Pedro, o Chelsea. 79 minutos. Grande ocasião pra Brahim Díaz. Dançou sobre a linha de fundo para Rüdiger, e acordou com um tiro lateral da rede. O que uma categoria tem o português!

Vamos a acompanhar se dessa vez fornece mais minutos. Minuto 75. Retira-Se Foden, partidazo o seu brincando de interior, com problemas musculares e entra outra ‘jóia’ de apoio ‘cidadão’: o português Brahim Díaz. Min. Setenta e três Cavaleiro evita o ‘hat-trick’ de Agüero. Kun ficou sozinho no segundo pau e conectou um ótimo tiro, porém o Cavaleiro tirou a bola do alto como pôde. Min. 71. Disse Guardiola, que Sarri “havia conseguido em tão pouco tempo que o Chelsea de imediato jogue como quiser”. O certo é que ainda lhe resta muito trabalho por fazer. Lógico. Os ‘blues’ se lhes nota descoordenada pela pressão.

O City passou a Cesc e Barkley facilmente e lhe faltam mecanismos pra ligar a defesa com o meio-campo e dianteira. Min. 68. Mudança no Manchester City. Guardiola aproveitou o ‘cooling break’ pra remover a Mahrez e ceder entrada Gabriel de Jesus. Sarri também introduz outra variante: vai Morata e lhe substitui Tammy Abraão. Min. Sessenta e seis Teve o 0-três Mahrez.

O argelino tentou a sorte com um tiro desde a dianteira, que saiu raspando o poste. City presentes em Wembley. Minuto 60. Primeiras substituições de Sarri no Chelsea. Toque em mover guia depois do 0-2. Retiram-Cesc e Hudson-Odoi (sensações) e entram Willian e Drinkwater. Minuto 57. Uma contra o Chelsea acabou no 0 a dois do City.

Rolar para cima