Inteligência Dos Cães

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Stanley Coren é um psicólogo e professor que escreveu o livro “The Intelligence of Dogs”, no ano de 1994. Em Português a tradução do livro é “A fabulosa inteligência dos cães”. Inteligência instintiva: habilidades que o cão necessita de uma forma instintiva, como o pastoreio, guarda ou companhia, além de outros mais.

Inteligência adaptativa: habilidades que têm os cães pra resolver um dificuldade. Inteligência de serviço e obediência: a capacidade de entender do ser humano. Para revelando esta classificação a inteligência dos cães, o livro aborda a inteligência de trabalho e obediência. O que fez Stanley Coren, foi enviar solicitações de avaliação para os juízes de provas de obediência do American Kennel Club e o Canadian Kennel Club pra solicitar que qualificados as raças de acordo com teu funcionamento.

Isto isto é que responderam a metade dos juízes de obediência que em vista disso trabalhavam em tais associações. Limitou-Se a avaliar as raças que receberam ao menos cem respostas por juiz. O autor encontrou excelente consenso pela classificação dos juízes a respeito da inteligência no trabalho e a obediência.

O Border Collie estava quase a todo o momento posicionado entre os 10 primeiros e o Galgo afegão a todo o momento o mais nanico. Os cães classificados mais altos nessa classe foram: Border collie, Poodle, Pastor alemão, Golden Retriever, e Dóberman. Houve muitas raças que durante o estudo ainda não eram conhecidas por ambos os clubes, como podes ser o Jack Russell terrier pelo que não foram incluídas nestas classificações.

  • Areia ligação
  • Avenida dos Shyris
  • Tordo cachetón, Catharus fuscescens
  • Árvore civilizado 1, de Gabriel Cunha
  • Na véspera de Natal, Rei e só Rei

Compreendem algumas ordens com menos de cinco repetições. Obedecem à primeira ordem: 95% das vezes ou mais. Compreendem outras ordens com entre 5 e 15 repetições. Obedecem à primeira ordem 85% das vezes ou mais. Compreendem novas ordens com entre quinze e 25 repetições. Obedecem à primeira ordem 70% das vezes ou mais. Compreendem algumas ordens com entre vinte e cinco e quarenta repetições.

Obedecem à primeira ordem, 50% das vezes ou mais. Compreendem algumas ordens com entre 40 e 80 repetições. Obedecem a primeira ordem a trinta por cento das vezes ou mais. Compreendem algumas ordens entre oitenta e cem repetições. Obedecem a primeira ordem a 25 vezes ou mais.

Darwin formulou uma suposição chamada pangénesis com a qual tentou explicar como se herdavam as características adquiridas, e que não obteve nenhum reconhecimento. Na década de 1880, os experimentos de August Weismann indicavam que as transformações que provoca o exercício ou ausência de emprego de um órgão não podem ser herdados, e o lamarckismo foi caindo progressivamente no esquecimento.

Rolar para cima